facebook instagram
Cuiabá, 19 de Julho de 2024
logo
19 de Julho de 2024

Penal Quinta-feira, 16 de Abril de 2020, 11:21 - A | A

16 de Abril de 2020, 11h:21 - A | A

Penal / SUPOSTA TENTATIVA DE FUGA

Justiça manda transferir ‘Sandro Louco’ para presídio de segurança máxima

A decisão foi tomada pela maioria de um colegiado formado por três juízes que, por lei, não podem ser identificados

Lucielly Melo



A Justiça Estadual determinou a transferência do detento Sandro da Silva Rabelo, conhecido como “Sandro Louco”, para a Penitenciária Federal de Catanduvas, no Paraná.

A decisão foi tomada pela maioria de um colegiado formado por três juízes que, por lei, não podem ser identificados.

A transferência levou em conta a possível tentativa de fuga, alegada pela Secretaria de Segurança Pública de Mato Grosso.

O advogado Marcelo Felício Garcia, que faz a defesa de Sandro Louco, interpôs um habeas corpus no Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) para ter acesso ao processo incidente da motivação da transferência.

Atualmente, Sandro Louco encontra-se preso na Penitenciária Central do Estado (PCE) por liderar a organização criminosa Comando Vermelho.

Antes de vir para Cuiabá, em 2019, ele cumpria a pena de mais de 205 anos de prisão no referido presídio federal, que é considerado uma unidade prisional de segurança máxima.