facebook instagram
Cuiabá, 22 de Julho de 2024
logo
22 de Julho de 2024

Cível Quarta-feira, 26 de Agosto de 2020, 15:12 - A | A

26 de Agosto de 2020, 15h:12 - A | A

Cível / ORDEM JUDICIAL

TJ suspende sessão de licitação para regularizar transporte intermunicipal

A decisão é do desembargador Márcio Vidal, que atendeu pedido da empresa Expresso Bom Sucesso Eirelli

Da Redação



A sessão pública de abertura de envelopes para a habilitação técnica da licitação para regularizar a concessão do Sistema de Transporte Coletivo Rodoviário Intermunicipal de Passageiros de Mato Grosso, prevista para ocorrer nesta quarta-feira (26), foi suspensa por decisão da Justiça.

A decisão é do desembargador Márcio Vidal, da Turma de Câmaras Cíveis Reunidas de Direito Privado e Coletivo do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), que concedeu um pedido de liminar feito pela empresa Expresso Bom Sucesso Eirelli.

A empresa solicitou a suspensão da sessão de abertura de envelopes e da decisão que a desclassificou do processo licitatório, realizado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), sob alegação de que sua proposta comercial não feriu as regras previstas no edital de licitação.

Desse modo, em razão da decisão do magistrado, a sessão de abertura de envelopes foi suspensa e deverá ser retomada em nova data, incluindo a participação da empresa desclassificada no processo.

Já participam dessa etapa as empresas Exclusivetour (Marianny transportes Rodoviários Eireli-ME), Pevidor Turismo Eireli-ME, Viação Araés Ltda - EPP, Rio Novo Transportes e Turismo Ltda, Expresso Satélite Norte Ltda, Viação Juína Ltda, Áries Transportes Ltda e AM Transportes e Turismo Ltda.

Elas disputam os oito mercados intermunicipais de transporte de passageiros das regiões de Cuiabá, Rondonópolis, Barra do Garças, São Félix do Araguaia, Cáceres, Tangará da Serra, Alta Floresta e Sinop, que abrangem os 30 municípios-polos e vão beneficiar todas as cidades do Estado. (Com informações da Assessoria do Governo do Estado)