facebook instagram
Cuiabá, 14 de Junho de 2024
logo
14 de Junho de 2024

Administrativo Segunda-feira, 02 de Setembro de 2019, 17:40 - A | A

02 de Setembro de 2019, 17h:40 - A | A

Administrativo / EM PEDRA PRETA

Fórum faz audiências com presos por videoconferência

Segundo o juiz Márcio Rogério Martins, o método traz celeridade na tramitação dos processos

Da Redação



O Fórum de Pedra Preta (a 238 km de Cuiabá) passou a utilizar o método de videoconferência para fazer audiências com réus presos, o que deve garantir celeridade nos processos.

O juiz Márcio Rogério Martins explicou que a videoconferência é uma grande revolução para a realização de audiências, pois a tecnologia traz eficiência para a tramitação dos processos.

Ele frisou ainda que a medida possibilita devolver a resolução das ações à sociedade com mais rapidez, menor custo e maior eficácia.

“Os processos com réus presos tendem a tramitar com menor duração de tempo quando há a possibilidade de serem interrogados onde estão presos. Já houve situação em que o interno não pôde vir para a audiência no dia determinado e isso sempre causa atraso no andamento do processo porque é necessário redesignar a audiência e refazer todos os atos processuais. A videoconferência elimina essa possibilidade, pois se já está marcada, em não havendo problema tecnológico o processo será mais rápido”, disse.

As videoconferências foram realizadas com os réus que estão detidos no Presídio da Mata Grande, em Rondonópolis, há 3 km de Pedra Preta.

“Além de todas as vantagens, ainda conseguimos ter mais controle sob o réu que fica em uma sala especializada lá na unidade prisional, permitindo que a audiência seja realizada no horário determinado. Também a videoconferência dá agilidade do processo que não necessita do deslocamento do réu até Pedra Preta, diminuindo assim o gasto com segurança para conduzir o detento até a cidade”, conclui o magistrado. (Com informações da Assessoria do TJMT)