facebook instagram
Cuiabá, 19 de Junho de 2024
logo
19 de Junho de 2024

Eleitoral Sábado, 05 de Outubro de 2019, 07:30 - A | A

05 de Outubro de 2019, 07h:30 - A | A

Eleitoral / REVISÃO DO ELEITORADO

TRE registra dados biométricos de eleitores em 4 municípios de MT

Quem não comparecer terá o título eleitoral cancelado e sofrerá penalidades legais



A Justiça Eleitoral iniciou nesta semana a revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos em mais quatro municípios de Mato Grosso. Para fazer a biometria, os eleitores de Itaúba, Santa Carmen, Pontal do Araguaia e Lambari d’ Oeste devem comparecer aos postos de atendimento instalados em seus respectivos municípios munidos de documentos pessoais e comprovante de residência.

Quem não comparecer terá o título eleitoral cancelado e sofrerá as consequentes penalidades legais.

Em Itaúba, os 3,9 mil eleitores serão atendidos na Câmara Municipal de Vereadores, nos dias úteis, das 7h às 17h30. A revisão no município será encerrada no dia 14 de novembro.

Em Santa Carmem, o atendimento será na Secretaria Municipal de Educação, localizada na Avenida Getúlio Vargas, sem número. De segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas, os cidadãos serão atendidos por ordem de chegada, respeitando os critérios legais de prioridade no atendimento. O trabalho será encerrado também no dia 14 de novembro.

No município de Pontal do Araguaia, o posto da Justiça Eleitoral irá funcionar no prédio da Câmara Municipal de Vereadores. O atendimento será de segunda a sexta-feira das 7h30 às 13h30. A revisão biométrica dos 4,8 mil eleitores segue até o dia 22 de novembro.

Já em Lambari d’Oeste, o atendimento acontece no Centro de Referência e Assistência Social (Cras), que fica na Avenida Principal Boa Vista. Os 4,4 mil eleitores serão atendidos nos dias úteis das 7h30 às 13h30.

Título cancelado

Quem não comparecer ao cadastramento terá o título cancelado e não poderá se inscrever em concurso ou prova para cargo ou função pública, investir-se ou empossar-se neles; obter passaporte ou carteira de identidade; renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo; e participar de concorrência pública ou administrativa da União, dos estados, dos territórios, do Distrito Federal ou dos municípios, ou das respectivas autarquias.

Todos os eleitores destes municípios, inclusive os que possuem mais de 70 anos e os analfabetos, estão obrigados a participarem da revisão.

É necessário levar um documento de identidade oficial (RG, Carteira de Trabalho, Carteira profissional, CNH e outros definidos em lei), comprovante de endereço e, caso tenham, CPF e título de eleitor.

No caso de emissão do primeiro título eleitoral para homens com mais de 18 anos, é necessário ainda apresentar comprovante de quitação militar.

Pelo levantamento da Justiça Eleitoral, dos 2,12 milhões de eleitores do Estado, 1,68 milhão já foram cadastrados biometricamente, o que representa 80% do eleitorado. (Com informações da Assessoria do TRE-MT)